Destaque, Farmácias, Home, Perfumaria, Varejo

Como os repelentes podem trazer boas vendas para seu negócio

Como os repelentes podem trazer boas vendas para seu negócio

O verão já é um período em que a procura por repelentes costuma subir, mas nos últimos tempos, o aumento no número de casos de febre amarela tem provocado uma procura maior. Não é para menos: em muitas regiões as pessoas não conseguem se vacinar ou estão no grupo em que a vacina não é recomendável. Por estes motivos o repelente é ainda mais importante entre os itens de cuidados pessoais.

Mas vale lembrar que a febre amarela não é a única preocupação: o medo de contrair dengue e zika também são evidentes. Usar repelente é uma forma eficaz de se prevenir, não apenas dos mosquitos que transmitem doenças, mas até para evitar incômodo e reações alérgicas às picadas de insetos em geral.  

De acordo uma pesquisa da Nielsen, em 2016 houve um crescimento de 49% nas vendas de repelentes no Brasil em relação ao ano anterior. Já o faturamento nesse período cresceu 89%. As regiões que mais tiveram aumento nas vendas de repelentes foram a região Nordeste e os Estados de Minas Gerais, Espírito Santo e interior do Rio de Janeiro. No entanto, com o alarmante número de casos de febre amarela silvestre no país nos últimos meses, a procura vai aumentar em muitas outras cidades.  

Como ajudar seu cliente a comprar um repelente para evitar a febre amarela

A febre amarela pode ser transmitida em área de mata ou urbana, por isso existe a forte recomendação para que os viajantes para regiões de mata se protejam fortemente contra as picadas. Apesar de não existir registro oficial de transmissão em área urbana, o perigo está no aedes aegypti, que também pode transmitir dengue e chikungunya. Mas na hora de comprar o produto, o cliente pode ter algumas dúvidas sobre o produto:

  • Como escolher o repelente?

Existem opções de repelente em gel e aerossol, que costumam ser menos oleosas, e também as loções. Alguns têm duração prolongada, chegando até 10 horas. Outros precisam ser repassados a partir de 2 ou 3 horas. Para quem não se lembra de passar o produto com frequência, o ideal são os de longa duração.

  • Pode combinar repelente e protetor solar?

Pode e deve, mas existem recomendações de utilização. Segundo especialistas, o ideal é aplicar o protetor solar primeiro e aguardar cerca de 15 minutos para sua total fixação. Em seguida, pode aplicar o repelente e aguardar mais alguns minutos antes da exposição ao sol. É importante lembrar que o repelente precisa ser distribuído de maneira uniforme. Qualquer área exposta sem o repelente fica desprotegida.

Também existem opções de protetor solar com ação repelente, que pode ser uma excelente alternativa.

  • Crianças podem usar repelente?

As crianças têm repelentes especiais para sua faixa de idade. Os pais devem ler atentamente o rótulo do produto e seguir as orientações do pediatra.
Sua loja está pronta para ajudar a prevenir a transmissão da febre amarela? Para garantir a variedade e qualidade de repelentes no seu estoque e prateleira, a Roge tem as melhores marcas, confira na loja online

Deixe um comentário